A Macrodrenagem e a “Ordem de Serviço”

Na sexta-feira 13/01/2012, foi com tristeza que li a nota a seguir publicada no Jornal Biguaçu em Foco, de autoria da Sra. Fátima Regina Alves:

“Acho que não vai sair nunca, ele só promete e não cumpre. Depois de eu botar minha casa fora, depois de passar por várias enchentes, ele fez isso. Agora moro de aluguel, que eu pago. Ele não é culpado pela enchente, mas sim por não fazer nada. Pra mim agora já não adianta mais. Antigamente eu tentei até falar com ele e não fui atendida. Eu já peguei umas cinco enchentes, e no ano passado aconteceu a enchente que eu tive que abandonar a minha casa”.

Fátima Regina Alves, 50 anos.

Dona Fátima,

Com certeza o seu desabafo sobre promessas não cumpridas não deve ser dirigido ao Prefeito Castelo. Tendo passado por mais de cinco enchentes, sua reclamação refere-se à administração anterior que em oito anos nada fez de relevante com relação a elas.

Quanto ao “não vai sair nunca” os fatos do dia 13/01/2012 a contradizem. As obras já estavam em andamento quando a sua opinião era publicada.

Vamos explicar direitinho o que é a chamada “Ordem de Serviço” assinada pelo Prefeito Castelo no dia 12 próximo passado:

Em dezembro/2008, já prefeito eleito e ainda não empossado, Castelo começou a tratar do problema que lhe aflige (as enchentes), em Brasília, junto ao Ministério das Cidades.

Pois é, Dona Fátima, o Castelo nem esperou ser empossado para ir a Brasília, com recursos do próprio bolso, para começar a tratar do seu (e nosso) problema das enchentes.

Depois de empossado (em 2009), arregaçou as mangas, formou sua equipe e começou a trabalhar duro, principalmente na macrodrenagem.

Foram quase três anos de elaboração de projetos, obtenção de licenças ambientais e outros trâmites burocráticos que resultaram na  liberação da verba de aproximadamente  R$ 35 milhões para a cidade concretizar a sua velha aspiração de ver-se livre das enchentes.

Portanto, Dona Fátima, o que a senhora assistiu foi o ato que autorizava o  início às obras das quais a senhora duvidava e que hoje estão em andamento.

Por falar em macrodrenagem, aí vão duas fotos de hoje no Bairro Vendaval:

DSCF1003

   Rua Marechal Deodoro,

 

 

 

 

DSCF1004

09:00 horas de 16/01/2012

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: