Feliz Ano Novo ! Glückliches Neues Jahr! Happy New Year !

31/dezembro/2008

Aos leitores que acompanharam este blog e a minha coluna Versões & Fatos do Jornal São José em Foco, desejo que 2009 seja um ano de paz, saúde, felicidade e pleno de realizações.

Que nossos governantes nos brindem com ações dignas de aplausos, que a natureza nos seja menos madrasta e que Deus acompanhe a todos em cada momento.

Aos que foram alvo de minhas críticas em 2008, que se indevidas me perdoem e  se devidas, que reflitam sobre suas ações, da mesma forma que eu farei, afinal a vida é um constante aprendizado.

A partir de 2009 estaremos de volta, com novas regras de ortografia, com novos governantes, novas consequências da Marolinha, novos desafios e disposição redobrada para enfrentar a vida !

Até 2009 !

Anúncios

O Fundo sem fundos II

29/dezembro/2008

Depois da cochilada da base governista, só restou a Lula editar a MP 452 para financiar o Fundo Soberano com títulos da dívida mobiliária.

Contra-ataque da oposição:

PSDB, DEM e PPS protocolaram uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) no Supremo Tribunal Federal (STF) questionando a MP 452/08 na tarde de hoje (29).

Segundo a Agência Estado, o senador Eduardo Azeredo (PSDB-MG) disse que “a MP desrespeita decisão do Congresso Nacional, que excluiu a alocação de recursos para o FSB quando da votação do Orçamento para 2009. A medida provisória, que prevê mecanismo para destinação de verbas ao Fundo, foi editada na última sexta-feira (26), mesmo dia da publicação no Diário Oficial da lei que criou o Fundo Soberano (Lei 11.887/08).”

– O governo não conseguiu aprovar o Orçamento com o Fundo Soberano. Conseguiu, após muita disputa, aprovar a criação do Fundo, mas sem os recursos. Portanto, a MP é um abuso das prerrogativas do Executivo – frisou Azeredo, ao condenar o excesso de medidas provisórias.

Conforme explicações do senador, para a oposição é abusiva a edição da MP 452/08, o que fere a Constituição, justificando-se, assim, a ação junto ao STF.


Secretariado de Dário Berger

29/dezembro/2008

Da coluna INFORME POLÍTICO de ROBERTO AZEVEDO no DC 8300 de 29 de dezembro de 2008, reproduzo a nota abaixo, sem comentários:

 

DIRETAS

GESTÃO – Cada secretário municipal que assumir as funções na prefeitura da Capital terá que assumir um compromisso com as principais metas da administração, que será firmada no ato da posse. O tal choque de gestão, tem mais: os secretários vão ser analisados no cumprimento de seus objetivos a cada três meses.

Para ler na fonte, clique aqui.


A Marolinha (atualização)

28/dezembro/2008

Manchetes de jornais de 28/12/2008, que dimensionam a Marolinha do Lula:

Globo: Bolsa no Brasil perde US$ 835 bi em 2008

Estadão: Real vira moeda mais instável do mundo e dificulta      negócios

Ja imaginaram um Tsunami do Lula ?

– Pois é…


Procurador Geral de Biguaçu

24/dezembro/2008

No recesso do jornal diário de Biguaçu, a manchete vem novamente da coluna Canal Aberto do Prisco Paraíso, do Jornal A Notícia de 24 e 25/12/2008, que transcrevo a seguir:

PRESTÍGIO

O advogado Filipe Mello acaba de emplacar o procurador geral de Biguaçu. Atendendo a solicitação do prefeito José Castelo Deschamps, indicou Anderson Nazário, que assume no dia 1º.

Para ler na fonte clique aqui.


Senador Colombo em alta

23/dezembro/2008

Depois da corajosa posição de votar contra a “Farra dos Vereadores” no Senado, quando acompanhado de mais quatro senadores ficou ao lado do clamor popular e contra a claque de suplentes e da posição dos outros dois senadores catarinenses, o Senador Raimundo Colombo (DEM) tem mais um motivo para comemorar:

O seu Projeto de Lei 461/08, que destina 47 % da arrecadação de uma Mega-Sena especial para socorrer os atingidos pela catástrofe que se abateu sobre Santa Catarina, foi aprovado pelo Senado.

Agora o projeto será votado pela Câmara dos Deputados.

Parabéns Senador Raimundo Colombo pela sua coragem e lucidez. E que seu projeto seja aprovado pela Câmara, pelo bem dos atingidos pelas enchentes e deslizamentos.


Suspensa liminar que impedia julgamento da fusão Oi/BrT pela ANATEL

18/dezembro/2008

O TCU suspendeu nesta quinta-feira a cautelar que impedia o julgamento da fusão da Oi e da BrT pela Anatel

A medida foi tomada pelo ministro Raimundo Carreiro, o mesmo que na quarta-feira havia suspendido cautelarmente a análise pela agência do processo de anuência prévia da operação.

Pois é… O contrato de compra prevê que se a anuência não for dada até o dia 19/12 segundo a TELECO, ou dia 21 – segundo a Folha ONLINE, a Oi terá que pagar multa de R$ 490 milhões à Brasil Telecom.

Muita grana em jogo na fusão que tem apoio irrestrito do Governo Lula  (e por supuesto do Lulinha da GameCorp, financiada pela Oi, ops… Telemar).